terça-feira, 31 de agosto de 2010

2a. Semana Literária - Contação de histórias com Cilene Trindade

A professora Cilene, da EMEF Pracinhas da FEB, participou pela segunda vez da nossa Semana Literária. Como é gostoso ouvi-la contando histórias!!!!
Cilene contou quatro histórias para nós: "A senhora Holle", um conto tradicional na versão dos Irmãos Grimm; "Guilherme Augusto Araújo Fernandes", de Mem Fox, publicado pela Brinque Book; "A casa que Pedro fez", um conto popular traduzido por Irami B. Silva e Erdna P. Nahum e publicado pela Scipione; e "O lobo e os sete cabritinhos" recontado por Aurélio de Oliveira e publicado pela Moderna.
E, como ela mesma diz, é muito bom ver os olhinhos das crianças brilhando ao ouvir as histórias. E eu incluo na palavra crianças, os adultos que nessa hora libertam a criança que tem dentro de si também.

Obrigada, Cilene, por compartilhar conosco seu encanto pela leitura!!!

2a. Semana Literária - Encontro com o escritor Milton Célio

A conversa com o Milton foi muito descontraída e as crianças ficaram à vontade para fazer várias perguntas. Estavam curiosos e perguntaram de tudo.Milton explicou como faz um livro, como escreve, que faz, refaz, e sempre pede para outras pessoas lerem, analisarem. Considera muito importante ouvir opiniões sobre suas histórias. Também falou que gosta muito de ler e o quanto ler é essencial para escrever: "Acho que se eu não lesse eu não conseguiria escrever nada".Contou para as crianças que os livros que leu na infância foram os do Monteiro Lobato.
Milton também faz jogos educativos para crianças e contou algumas coisas deste trabalho bem interessante.
Seus livros são maravilhosos e se vocês não o conhecem, leiam. Vale a pena!


Agradeço mais uma vez ao Milton por sua participação. Foi um encontro muito gostoso e divertido! E, assim que ele criar o site dele, indico por aqui.

2a. Semana Literária - Encontro com a escritora Maria Amália Camargo

Maria Amália participou pelo segundo ano da nossa Semana Literária. Com seu jeito tranquilo e carinhoso, encanta as nossas crianças com suas histórias.




Ela nos contou a história de seu livro Num reino cor de burro quando chove, que fala sobre um reino onde todos desperdiçavam muita água. Até que enfrentam um período sem chuva e começam a perceber como a água faz falta, pois ficam sem ela até para escovar os dentes. Essa seca também muda a cor da paisagem que fica da cor de burro quando foge.




E ouvimos essa história num momento em que São Paulo enfrenta um longo período de seca e também podemos observar em alguns momentos a cor de burro quando foge no nosso céu.




Depois de responder às perguntas dos alunos, Maria Amália propôs que eles fizessem uma ilustração para um outro livro seu que os alunos já haviam lido aqui na sala de leitura: Laranja-pêra, couve-manteiga. Ficou muito bacana!
Antes de encerrar, sorteou cinco livros para nossos alunos e deu autógrafos.
Maria Amália, obrigada pelo seu carinho e pela sua participação. Mais uma vez adoramos o encontro!


Conheçam melhor o trabalho dela no blog: http://nacontramaodocontrario.blogspot.com/


2a. Semana Literária - Encontro de educadores com Ilan Brenman e Maria José Nóbrega


Na Semana Literária deste ano conseguimos fazer um encontro sobre leitura para educadores.
Vai ser difícil encontrar palavras para dizer o quanto esse encontro foi fantástico!
A conversa deliciosa com o Ilan e a Mazé já começou no carro à caminho da escola. Conheci mais dois livros do Ilan que adorei! Um é A busca de Esmeraldo, uma história linda e o outro, que acabou de sair do forno, é Mamãe é um lobo! Não deixem de passear por eles.
Maria José é assessora pedagógica da Secretaria Municipal de Educação e também é uma das escritoras dos livros: Diga um verso bem bonito!, Enrosca ou Desenrosca?, Era uma vez...três! e Salada, Saladinha - Parlendas.

Mazé falou sobre "Literatura na escola". Retomou o modo como a leitura foi entendida ao longo da história, pois o pensamento de que ler é produzir sentidos a partir da interação entre autor e leitor através do texto é algo que nem sempre existiu.Também conversamos sobre as habilidade de leitura na Educação Infantil e Ensino Fundamental I e os gêneros que podem ser mais explorados com essas faixas etárias para favorecer o desenvolvimento dessas habilidades.
Contou-nos a história João Felizardo: o Rei dos Negócios, de ângela Lago para falar da importância das ilustrações. As duas linguagens, texto e imagem, compartilham as páginas e dialogam entre si e com o leitor. O texto da imagem é um outro texto que muitas vezes problematiza o que o texto escrito diz e permite que as crianças criem outra narrativa.
A ilustração também favorece o desenvolvimento da autonomia nas crianças que estão aprendendo a ler. É possível ler através da imagem antes de fazer a leitura de decifração.
Por fim, contou nos um pouco sobre o livro A escolarização da leitura literária, de Magda Soares para pensarmos o que podemos fazer para promover a boa escolarização da leitura literária.
Ilan é, além de escritor, um contador de histórias maravilhoso! Poderíamos passar o dia ouvindo-o contar histórias que não sentiríamos as horas passarem.
Sua fala nos fez sentir o quanto as histórias são importantes nas nossas vidas. E compartilhou conosco histórias que viveu, histórias que ouviu contar, histórias que criou, histórias que leu.
Nas próximas linhas vou parafrasear e citar alguns trechos da nossa conversa.
Ilan relacionou a leitura a um conceito muito interessante, o de felicidade. Retomou a essência dessa palavra que vem do grego e significa "estado de espírito bom". A felicidade na sua origem está relacionada a algo coletivo, ao bem estar social. Atualmente pensa-se muito numa felicidade individual. Ler e leitura vêm da palavra colheita. Podemos dizer que ler é quando você só pega o fruto, mas não experimenta e Leitura requer a ação de pegar, morder e experimentar. Isso tudo para refletirmos na possibilidade da felicidade com a leitura.
"A leitura não é a salvação do mundo, mas contribui. Aquele que tem na sua vida a possibilidade de ter a experiência de leitura tem mais escolhas".
A palavra escola vem do grego e significa ócio. Tempo para contemplar, observar, estudar, tempo para crescer espiritualmente, intelectualmente. É preciso abrir espaço para que o ócio aconteça na escola, dar tempo da leitura para a criança, tempo para a prática do ócio.
"Para mim a leitura é transgressão: é ir além, é transbordar as paredes, possibilitar que o olhar da criança sobre o mundo saia do que é familiar, do que é conhecido..."
Um encontro maravilhoso que proporcionou muito encantamento, aprendizado e provocou reflexão.
Agradeço o Ilan e a Mazé mais uma vez pelo carinho e por nos terem proporcionado esse momento de felicidade!
Ah...e não deixe de visitar o site do Ilan para conhecer seus outros livros: www.ilan.com.br
Agradeço aos professores da nossa escola pela participação e aos professores da EMEF Pracinhas da FEB, EMEF Mauro Faccio Gonçalves - Zacaria, EMEF Carolina Rennó e a POSL Mônica, da EMEF Eduardo Prado que estiveram presentes nesse encontro.

2a. Semana Literária - Encontro com os escritores Marcelo Maluf e Daniela Pinotti

O segundo dia da nossa Semana Literária começou cheio de inspiração. A turma do 4° ano D conversou com os escritores Marcelo Maluf e Daniela Pinotti.
Eles começaram contando um trecho de um dos livros deles Meu pai sabe voar, que conta a história de um garoto chamado Júlio que gosta muito de tudo que voa e todos os dias o seu pai, quando chega do trabalho, dá para ele uma asa de presente. A cada dia é uma asa diferente e eles voam juntos toda noite embalados pela imaginação.


O que acontece depois eu não vou contar aqui, o que posso dizer é que a história é linda e vocês não podem deixar de ler:

Os alunos fizeram muitas perguntas sobre o trabalho deles e sobre o livro do Marcelo que já tinham lido: Jorge do Pântano que Fica Logo Ali.
Marcelo e Daniela falaram sobre a importância da leitura para poder escrever, contaram que lêem muito e que costumam contar histórias um para o outro, ressaltando o poder que as histórias têm nas nossas vidas.
Explicaram como foi o processo de escrita dos livros que escreveram juntos e o que acontece depois que encaminham o texto para a editora.
Também deram dicas que podem nos ajudar na hora de escrever uma história como: observar as coisas que acontecem no cotidiano, ter um caderninho sempre junto para anotar as ideias que vão surgindo. E Marcelo acrescentou: "Para você poder escrever, você tem que ler, ler, ler e escrever, escrever, escrever".
Daniela propôs para nós uma brincadeira muito bacana: para pensarmos rápido e dizer alguns títulos de histórias que viessem à nossa cabeça. Surgiram ótimas ideias, inspiradoras! Acredito que a turma vai se aventurar a escrever algumas histórias a partir delas.
Em outro momento, onde os alunos começaram a criar juntos com eles o início de uma história, puderam perceber como a leitura é importante para a criação, pois citaram coisas que já tinham conhecido através da leitura.
Agradeço muito ao Marcelo e a Daniela por terem compartilhado suas histórias maravilhosas conosco e por terem nos proporcionado um momento tão prazeroso que nos deixou com vontade de viajar pela imaginação no mundo da leitura e da escrita.
Para saber mais visite o blog do Marcelo www.labirintosnosotao.com e da Daniela www.psicoacao.com

Nossa 2a. Semana Literária na TV Cultura

video

segunda-feira, 30 de agosto de 2010

2a. Semana Literária - Apresentação teatral

Iara, mãe dos nossos alunos Arthur, do 3° ano, e Sarah, do 2° ano, e sua amiga Cristiane participaram da nossa Semana Literária apresentando a história "A formiga e a cigarra em: Chega de destruição".
Foi uma apresentação que nos ensinou a cuidar do meio ambiente de forma muito divertida!
Obrigada, Iara e Cristiane, por terem contribuído com a nossa Semana! Adoramos!




2a. Semana Literária - Encontro com os escritores Tereza Yamashita e Luiz Bras


Conhecemos duas pessoas maravilhosas: a escritora Tereza Yamashita e o escritor Luiz Bras.
A conversa foi com a turma do 2° ano D e iniciou com a apresentação de alguns "booktrailers" feitos pela dupla. Dessa forma compartilharam conosco várias de suas histórias. Coloquei aqui o booktrailer do livro A poção da vida e você pode clicar aqui para conhecer de outros livros.

video

Depois contaram como começaram a escrever juntos e responderam as perguntas que as crianças fizeram sobre seus livros.
Esse é o livro deles que as crianças mais gostaram de ler e recomendam:


Luiz contou para nós como é o processo de produção de um livro e por fim tivemos uma surpresa especial. A Tereza nos ensinou dois origamis: um gato e um cachorro. Foi muito bacana!

No fim da oficina fomos presenteados com um tsuru. E alguns livros que eles trouxeram para sortear.

Agradecemos muito o carinho da dupla, o capricho e a dedicação. Gostamos muito de aprender sobre literatura e arte!

Visite o blog do Luiz e da Tereza: http://yamashitatereza.wordpress.com

2a. Semana Literária - Encontro com Ricardo Azevedo




Nesse primeiro dia também tivemos a oportunidade de desfrutar da ilustre companhia do escritor e ilustrador Ricardo Azevedo.


Ricardo nos contou sobre o processo de criação dos seus livros e mostrou o boneco do livro Contos de Adivinhação. Boneco é o projeto do livro e Ricardo foi nos explicando o que mudou entre o projeto e o livro final, ressaltando a importância de se fazer um rascunho. Ao mostrar cada parte falava quais foram suas ideias e as ideias novas que foram surgindo a partir do boneco.
Os alunos fizeram muitas perguntas. Sobre suas ilustrações, ele nos mostrou alguns originais e contou que não gosta de desenhar no computador. Ele gosta de desenhar a mão e usa lápis, tinta e nanquim.
Produzir um livro é um trabalho lento e demorado. O livro Contos de Adivinhação, por exemplo, demorou quase um ano para ficar pronto, mas para ele é algo muito prazeroso.
O primeiro livro publicado do Ricardo chama-se O peixe que podia cantar (1980) e o primeiro publicado fora do Brasil foi Pobre Corinthiano Careca. E a história do livro O homem no sótão ele escreveu quando ainda estava no colégio.
Deu algumas dicas aos alunos, como a de anotarem coisas, acontecimentos do cotidiano, pois isso pode servir de ideias para escreverem histórias. E de soltarem a imaginação: "Quando forem escrever um texto é legal que vocês inventem mesmo!"
Falou da importância da literatura em nossas vidas: "A literatura fala de assuntos que ninguém sabe ensinar".
No final os alunos do 4° ano A leram para o Ricardo uma poesia escrita por eles sobre os livros que leram:

Lendo Ricardo Azevedo
Muitas hitórias conhecemos
Viajamos na leitura
E muitos livros lemos.

As histórias desse autor
São muito especiais
Quando alguém as lê
Não acha chato jamais.

Contos de Bichos do Mato
É uma leitura interessante
Todo mundo que lê
Tem alegria constante.

Você me chamou de feio
É cheio de travessura
Quando acabamos de ler
Ficamos cheios de cultura.

A leitura de suas obras
Foi pra nós muito excitante
Quanto mais a gente leu
Tornou-se muito emocionante.

A 4a. A agradece
Os livros que você escreveu
Lemos muito e aprendemos
Com os escritos que nos deu.

Agradecemos imensamente ao Ricardo Azevedo por ter participado da nossa 2a. Semana Literária! Foi um encontro muito divertido no qual aprendemos muito!
Não deixem de visitar o site do Ricardo e conhecer mais dos seus livros: www.ricardoazevedo.com.br


2a. Semana Literária - Encontro com a escritora Heloisa Pires Lima

Nossa 2a. Semana Literária começou iluminada com a presença da escritora Heloisa Pires Lima.
Heloisa contou-nos a história de um de seus livros, A semente que veio da África, que fala sobre uma árvore: o baobá ou embondeiro ou bubakabu ou Adansonia Digitata. Já deu para perceber que ela é conhecida por vários nomes, não é?! Seus nomes não acabam aí e variam de acordo com as regiões onde a encontramos. O baobá também é conhecido como a árvore da sabedoria, pois quando você senta debaixo de um baobá, você faz um elo com o Criador e clareia suas ideias.
Além disso, ficamos sabendo que essa árvore pode chegar a viver 6 mil anos e a medir 45 metros de diâmetro. Incrível!!!
Aprendemos como jogar awalé, um jogo cujas peças são as sementes do baobá e podemos adaptá-lo usando sementes de árvores brasileiras. Esse crocodilo é um tabuleiro para jogar awalé que Heloisa trouxe para mostrar para a gente.

E como não dá para contar tudo aqui, sugiro que vocês leiam o livro A Semente que veio da África. Garanto que irão gostar e aprender muito sobre essa árvore especial.

Leia também: Histórias da Preta, O comedor de nuvens, Lendas da África Moderna e O Espelho Dourado.
Em sua apresentação Heloisa também contou-nos que lá na África eles costumam dizer que a sabedoria é como o tronco de um embondeiro. Uma pessoa sozinha não consegue abraçá-lo.
Agradeço, mais uma vez, a escritora Heloisa Pires Lima, que aceitou fazer parte desse abraço na leitura participando da nossa Semana Literária, e compartilhando conosco histórias tão encantadoras.


quinta-feira, 19 de agosto de 2010

Visita à Bienal do Livro


No dia 18/08 fomos visitar a 21a Bienal do Livro de São Paulo, no Anhembi. Saímos da escola em quatro ônibus e chegamos lá por volta das 13h.Além de andar no meio de tantos livros bacanas, olhá-los, lê-los, manipulá-los e comprá-los, também ouvimos contação de histórias e conhecemos um escritor super especial: Pedro Bandeira.
Pedro nos recebeu com muito carinho, nos deu autógrafos e tirou algumas fotos conosco. Tive um motivo a mais para me emocionar ao encontrá-lo. Li vários livros de Pedro Bandeira na adolescência, entre eles, dois que me marcaram foram "Droga do Amor" e "Droga da Obediência" e é uma sensação indescritível essa que senti ao encontrá-lo. Quando contei que trabalho como Profa. de Sala de Leitura ele falou sobre o carinho que tem por esse espaço e pelos profissionais que trabalham nele. O encanto daquele momento permanece...
Nossos alunos também gostaram muito de visitar o estande da Secretaria Municipal de Educação e ver as fotos de alguns deles e da nossa sala de leitura. Além dos Cadernos de apoio e aprendizagem.
Termino com alguns trechos deles e algumas fotos:"A visita à Bienal foi muito interessante. Havia muitas editoras e todos os tipos de livros. Até gibis em espanhol e inglês. Lemos e compramos bastante livros. Caminhamos demais, mas valeu a pena!" (4° anoA)
"Nós ouvimos a história: A galinha do vizinho bota ovo amarelinho e A galinha da vizinha quer um par para ser rainha, ganhamos óculos 3D e vimos o livro A semente que veio da África, da escritora Heloisa Pires Lima, que estará na nossa 2a. Semana Literária. Ouvimos também um contador de história que contou a história da escrita desde quando ela começou até hoje.
Foi uma aventura e tanto!" (4° ano C)




segunda-feira, 16 de agosto de 2010

sexta-feira, 13 de agosto de 2010